Ford vai usar cascas de café do McDonald's em peças de seus carros


New feed

A Ford anunciou uma parceria com o McDonald’s para reutilizar cascas de café, um resíduo do processo de torrefação que normalmente é transformado em adubo ou carvão, em material plástico que será usado na produção de peças para seus carros.

O resíduo é aquecido a altas temperaturas em um ambiente com pouco oxigênio e misturado com plásticos e outros aditivos para ser transformado em pellets, que podem ser moldados em várias formas.

Segundo a empresa o composto “atende às especificações de qualidade para peças como carcaças de faróis e outros componentes internos ou sob o capô. Os componentes resultantes serão cerca de 20% mais leves e exigirão até 25% menos energia durante o processo de moldagem. As propriedades térmicas do composto são significativamente melhores do que o material usado atualmente”.

“Como o McDonald’s, a Ford está comprometida em minimizar o desperdício e estamos sempre procurando maneiras inovadoras de atingir esse objetivo”, disse Ian Olson, diretor sênior de sustentabilidade global do McDonald’s.

“Ao encontrar uma maneira de usar a palha de café como um recurso, estamos demonstrando como as empresas juntas podem aumentar a participação na economia circular, onde diferentes indústrias trabalham juntas e trocam materiais que, de outra forma, seriam produtos secundários ou de resíduos”.