Google confirma onde e quando lançará o Stadia


New feed

O Google revelou os detalhes que faltavam sobre o Google Stadia, o novo serviço de streaming de jogos. O Stadia, que será lançado no dia 19 de novembro, transmitirá jogos de console e PC de ponta para o Google Chrome, Chromecast Ultra TV ou smartphone Pixel 3, a partir de novos servidores da empresa. O sistema será lançado em 14 países diferentes, incluindo Reino Unido, Canadá e EUA, com pelo menos 31 jogos de 21 editores diferentes. O Brasil não receberá o Stadia no lançamento.

Um kit inicial de hardware, com três meses de serviço premium, custará US$ 130, e US$ 10 por mês para ser renovado posteriormente. Em 2020, haverá um plano gratuito separado.

A pré-venda da “Edição do Fundador” já se esgotaram. Segundo o Google, os pacotes de Fundador e Premiere Edition provavelmente serão entregues antes do final de novembro, mas a empresa está enviando os kits baseada em quando o cliente fez o pedido, e não todos de uma vez. Portanto, a melhor forma de jogar antes do final do ano é adquirindo o Premiere Edition.

Reprodução/Google Stadia

No entanto, antes de fazer a encomenda, é importante saber que o Stadia não será realmente o “Netflix dos jogos”. Isso porque ele não é um serviço por assinatura que conta com um grande catálogo de produtos gratuitos, ao menos por enquanto. A assinatura inclui apenas um único jogo a partir de hoje: Destiny 2. Outro ponto importante citado pelo Google é que o usuário deve comprar, e não alugar os games em nuvem, pelos mesmos preços encontrados em outras plataformas, como Steam e PSN.

“Vamos vender esses jogos como qualquer outra loja digital”, afirmou o diretor de jogos do Google, Jack Buser, ao The Verge. O Google ainda pretende anunciar mais jogos até a data de lançamento. Buser diz que o recém anunciado Bauldur’s Gate 3 será lançado simultaneamente no Stadia e no PC. No entanto, a empresa não comenta muito sobre seus próprios títulos. O objetivo final é lançar jogos exclusivos para aproveitar ao máximo a infraestrutura exclusiva criada para o Stadia.

Mas a falta de exclusivos prontos no primeiro dia é um dos motivos para o Google atender primeiro os usuários que compraram os pacotes premium. Por um preço mais baixo do que o de um console novo, a companhia criou seu próprio console, um Chromecast Ultra, e uma versão limitada do joystick.

O Stadia Pro oferece streaming em qualidade 4K, 60fps com HDR e som surround 5.1, além do acesso ao catálogo, caso o usuário tenha ao menos 35 Mbps de banda larga. A versão gratuita de 2020 será limitada a 1080p60 com som estéreo e requer 10 Mbps para transmitir em 720p.

Reprodução/Google Stadia

Via: The Verge